Convênio foi assinado esta semana com o Governo Estadual

IMPRENSA CORDEIRO/CIDADE EXPOSIÇÃO

A chegada da Escola Cívico-Militar a Cordeiro está cada vez mais próxima. Em viagem ao Rio de Janeiro, na última terça-feira, dia 14, o prefeito Luciano Batatinha e sua vice-prefeita Maria Helena se reuniram com o secretário estadual de Educação, Pedro Fernandes, para a assinatura do convênio entre Prefeitura e Governo Estadual.

Cordeiro integra o planejamento do Governo do Estado que prevê a inauguração de 11 colégios militares ainda no início deste ano. A partir da assinatura do acordo, as inscrições já terão início no próximo dia 21 de janeiro, no site Matrícula Fácil (www.matriculafacil.rj.gov.br). Além de Cordeiro, outros quatro municípios foram contemplados nessa etapa: Areal, Santo Antônio de Pádua, Araruama e Carmo.

Segundo o prefeito, respeitando os trâmites naturais e as datas do processo de implantação do projeto, o funcionamento da Escola Cívico-Militar será em tempo integral, com as aulas sendo iniciadas provavelmente no mês de março. Inicialmente serão oferecidas vagas para o 1º Ano do Ensino Médio e a unidade de ensino funcionará anexa ao Colégio Cenecista Santa Mônica, no centro da cidade.

Feliz com a proximidade do novo benefício aos cordeirenses, alcançado junto ao Governo do Estado, Luciano Batatinha acredita que a Escola Cívico-Militar poderá se transformar num divisor de águas para a educação cordeirense. “Ensino de qualidade, formação para a vida e cidadania. Teremos isso e muito mais. Externo minha gratidão pela parceria ao governador Wilson Witzel e ao secretário Pedro Fernandes, que já estão convidados para a solenidade de inauguração em breve”, declarou Batatinha.

Notícias Relacionadas

Pesquisa