Voltar

Notícias

TRE cassa mandato de Rosinha Garotinho


25 de outubro de 2016 736 visitas

Com a decisão, prefeita de Campos e vice ficam inelegíveis por oito anos, a contar das eleições de 2012

O DIA

Rio – O Tribunal Regional Eleitoral do Rio cassou, nesta segunda-feira, os mandatos da prefeita de Campos dos Goytacazes, Rosinha Garotinho (PR), e do vice, Dr. Chicão (PR), por abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação. Com a decisão, os dois também ficam inelegíveis por oito anos, a contar das eleições de 2012. Cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília.  O TRE aceitou parcialmente o recurso interposto pelo Ministério Público Eleitoral.

De acordo com o relator do processo, desembargador eleitoral Marco Couto, a publicidade institucional no portal oficial da Prefeitura de Campos dos Goytacazes na internet foi “gravemente desvirtuada” para promover Rosinha e Dr. Chicão, com o “nítido propósito de favorecer sua reeleição “.

Segundo o magistrado, programas e ações da administração municipal foram apresentados como “realizações pessoais e diretas da prefeita e do vice-prefeito, ao mesmo passo em que são narrados acontecimentos protagonizados por ambos, mas sem nenhuma relação com as atividades administrativas do município”.

Leia a íntegra da nota da prefeitura de Campos

“O Secretário de Governo, Anthony Garotinho, informa que “da decisão, que ainda vai ser publicada, cabe recurso e temos confiança que essa decisão será revertida”, citando que a prefeita Rosinha foi eleita em 2012 com mais de 170 mil votos, com 70 mil votos a mais do que a soma dos outros cinco candidatos, e que a acusação de matérias não institucionais no site da prefeitura não procede e que não teria o condão de influenciar o resultado das urnas.”