Voltar

Notícias

SECRETÁRIO ESTADUAL DO AMBIENTE ANDRÉ CORRÊA SOBREVOA FLORESTA EM TRAJANO


3 de junho de 2017 218 visitas

Local vai receber melhorias e conta com 29 hectares totalmente protegidos

O município de Trajano de Moraes, na Região Serrana, é dono da primeira Floresta Estadual (Floe) José Zago, no estado do Rio. O local recebeu na tarde desta segunda-feira (2), a visita do deputado estadual licenciado e atual secretário estadual de Meio Ambiente André Corrêa e de seu pai Luís Antônio Corrêa. Durante sua passagem pela cidade, ele sobrevoou a área de floresta que em breve deverá abrigar um dos maiores parques aberto com área de lazer da região.

Na companhia do prefeito Rodrigo Viana e do vice Jorge Luiz Diniz, o secretário pode o voo, verificar os pontos que vão receber as melhorias. Ainda dentro da aeronave foi possível observar o problema que polui dia a dia à represa que fica dentro do parque: o despejo de esgoto in natura. A proposta do projeto é captar todo esgoto despejado nos afluentes por dutos, e levados para uma estação de tratamento. Somente após, ele voltará a ser despejado no canal limpo.

“Estou aqui em Trajano com meu querido prefeito Rodrigo e com o vice Jorge Diniz, para ver as obras do programa Limpa Rios que estão indo muito bem. Estamos trabalhando na melhoria e na urbanização da floresta José Zago, o antigo horto”, disse André. A unidade conta com 29 hectares, e ocupa a mesma área do antigo Horto Florestal, atualmente administrada pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea). Essa é a primeira unidade de conservação deste gênero criada pelo governo estadual.

Ainda durante o voo, foi possível verificar os afluentes da represa, atualmente o principal colabor para a poluição da mesma. “Onde Rodrigo e Jorginho botarem o pé, eu boto o meu também. Tenho um compromisso com Trajano de Moraes. Ele foi feito lá atrás quando Rodrigo Viana e Jorge Diniz foram eleitos para administrar essa cidade de gente boa, humilde e trabalhadora. O município pode contar comigo nesse que será um dos locais mais bonitos parques na região”, disse André Corrêa.

De acordo com a legislação ambiental, a Floresta Estadual é uma unidade de conservação de uso sustentável, com cobertura florestal de espécies predominantemente nativas, que tem como objetivo básico o uso múltiplo dos recursos florestais, com ênfase em métodos de exploração de florestas nativas baseados em critérios de sustentabilidade, e a pesquisa científica.

O espaço será aberto à visitação pública, com direito a desenvolvimento de projetos pedagógicos e de pesquisa científica, promoção de atividades ecológicas e de lazer, com instalação de equipamentos de esportes de aventura, como arborismo, tirolesa, trilhas e outras atividades, além da despoluição da represa e dos afluentes com captação e tratamento de todo o esgoto.

Algumas ações se destacam no projeto, como a criação de um mirante, academia ao ar livre, áreas com decks, retirada de linhas de energia elétrica que passam sobre a Floresta Estadual (Floe), colocação de cerca viva onde hoje há um alambrado visando minimizar o impacto estético visual da área. “No local terá também um auditório para eventos, palestras e reuniões além de galpão de uso diversificado. Obrigado André Corrêa e seu Luiz Antônio Corrêa pelo incentivo e apoio”, agradeceu o prefeito Rodrigo Viana.

O projeto conta também com a ampliação de trilhas de caminhadas e de esportes como ciclismo, área de estacionamento para suporte ao acesso dos usuários do parque, explicou o vice-prefeito Jorge Diniz.