Voltar

Notícias

Rio de Janeiro registra 11 casos de microcefalia


26 de março de 2016 196 visitas

Rio de Janeiro registra 11 casos de microcefalia

Cynthia Cruz
O Estado do Rio de Janeiro registrou, até o último dia 19 de março, 11 casos de microcefalia associados a infecções congênitas. Trezentas e seis notificações estão sob investigação. Dessas, 263 são de bebês já nascidos e outras 65 são referentes ao período intrauterino. Deste total, 118 mulheres relataram histórico de manchas vermelhas pelo corpo ao longo da gravidez. Vinte casos registrados foram descartados. Os dados estão no boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde.

Desde o dia 18 de novembro do ano passado quando a notificação de gestantes com manchas vermelhas na pele se tornou obrigatória, o estado do Rio de Janeiro recebeu 6.426 notificações.

Desses registros, 331 mulheres tiveram a confirmação de Zika vírus, mas ainda não há certeza se os fetos apresentam microcefalia. Como o resultado positivo para Zika vírus não significa que o bebe tenha a má formação genética, todas as gestantes serão monitoradas até o nascimento da criança.

No boletim da Secretaria Estadual de Saúde, também constam registros sobre casos de Guillain-Barré. Desde julho de 2015, foram 71 notificações da síndrome neurológica no estado do Rio. Destes, 24 casos são compatíveis com infecção por Zika vírus. Outros 42 casos aguardam resultados de exames e cinco casos foram descartados.