Voltar

Notícias

Multas ficarão até 300 % mais caras


22 de outubro de 2016 177 visitas

Reajuste foi definido pelo Senado, que aprovou modificações no Código Brasileiro de Trânsito

O DIA

Rio – As multas de trânsito ficarão no mínimo 53% mais caras, de acordo com o Senado Federal, que aprovou modificações no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Algumas vão sofrer reajuste de 300%, como a que pune o uso de celular ao volante. Hoje, a infração é considerada média, com pagamento de R$ 85,13 e registro de quatro pontos na CNH, mas o valor passará a custar R$ 293,47 ao infrator.

Quem for flagrado trafegando em velocidade acima do permitido, deixará de desembolsar R$ 85,13 e passará a arcar com custo o de R$ 130,16. Porém, se o registro for de 20% a 50% acima do limite permitido, o valor salta de R$ 127,69 para R$ 195,23.

Tabala com os valores atualizadosReprodução

Para os motoristas apressadinhos que dirigirem acima de 50% da quilometragem permitida, a infração é gravíssima com sete pontos na carteira, que serão multiplicados por três. E mais: resulta na apreensão da carteira e suspensão dos direitos de dirigir. O valor da multa passará de R$ 574,62 para R$ 880,41.

FAROL BAIXO DE VOLTA

Ministério das Cidades e o Denatran informaram que os órgãos de trânsito podem voltar a fiscalizar o uso de faróis baixos em rodovias durante o dia. Porém, é necessário que haja a sinalização. O comunicado diz que ambos os órgãos foram notificados pela Procuradoria Geral da União sobre a decisão liminar que autoriza o retorno da fiscalização, interrompidas no início do mês de setembro.