Voltar

Notícias

Lei Seca reduz em 30% número de motoristas alcoolizados


22 de março de 2016 204 visitas

Mais de 155 mil motoristas tiveram a habilitação recolhida em sete anos de operação

Em comemoração aos sete anos da Operação Lei Seca, que já retirou das ruas mais de 155 mil motoristas que apresentavam sinais de embriaguez, foi realizada, nesta segunda-feira (21/3), uma missa em ação de graças na Igreja da Candelária. Cerca de 400 pessoas participaram da celebração.

– São sete anos de dedicação à população fluminense, contribuindo para a segurança no trânsito e ajudando a preservar vidas. Levamos nossas mensagens de conscientização para mais de 8 milhões de pessoas em todo o estado, abordamos mais de 2,1 milhões de motoristas e recolhemos as carteiras de habilitação mais de 155 mil pessoas alcoolizadas que poderiam provocar acidentes – afirmou o coordenador da operação, tenente-coronel Marco Andrade.

Os presidentes do Detran-RJ, José Carlos dos Santos Araújo, e do Detro-RJ, José Fernando Moraes Alves, órgãos parceiros da Operação também participaram da missa.

A Lei Seca contribuiu para que o percentual de motoristas embriagados abordados nas fiscalizações passasse de 7,9%, em 2009, para 5,1%, atualmente.

Vidas preservadas

Nas ações, foram capturados 134 foragidos da Justiça, 127 veículos roubados foram recuperados e 54 armas de fogo, apreendidas.

Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o número de vítimas fatais passou de 59 por 100 mil veículos, em 2009, para 29 por 100 mil veículos, em 2015. Já a quantidade de feridos em acidentes de trânsito foi de 991 pessoas a cada 100 mil veículos, há sete anos, para 653 pessoas, ano passado.

O tenente-coronel Marco Andrade agradeceu a dedicação dos 250 agentes pelo empenho, profissionalismo e dedicação.

– Somos um grande time e protagonistas da marca de redução média de 30% no número de motoristas flagrados embriagados. Os agentes escreveram esta história, provaram que vale a pena perseverar em nossa missão e que é possível cumprir a lei sem o jeitinho brasileiro. Damos diariamente, incansavelmente, aulas de ética e responsabilidade – disse o coordenador da Lei Seca.

Tipo exportação

A Operação Lei Seca já serviu de inspiração para outros estados do Brasil e até para o exterior: 20 delegações brasileiras, entre elas Pernambuco, Acre, Rondônia e Alagoas; e duas delegações internacionais (Venezuela e Espanha) enviaram comitivas ao Rio de Janeiro para “importar” o modelo de gestão da Lei Seca fluminense.

Balanço atualizado

Desde a criação da Operação Lei Seca até a madrugada de domingo (20/03), 2.150.319 motoristas foram abordados, 423.402 foram multados, 83.948 veículos foram rebocados e 145.606 motoristas tiveram a CNH recolhida. Neste período foi comprovada a alcoolemia em 155.002 motoristas.

Fotos: Clarice Castro