Voltar

Notícias

Felipe Santa Cruz reeleito na OAB-RJ


17 de novembro de 2015 499 visitas

Em Niterói, Antônio José também se mantém no cargo, enquanto Eliano Enzo vence disputa e assume OAB de São Gonçalo

O presidente da OAB-RJ, Felipe Santa Cruz, foi reeleito nesta segunda-feira (16) com 37.002 votos, para mais um mandato. Feliz com a votação obtida, ele agradeceu a confiança dos advogados e falou aos colegas niteroienses.

“Quero agradecer aos advogados de Niterói pelos votos e pela confiança. Já vamos começar esse segundo mandato amanhã (hoje) com a responsabilidade redobrada”, anunciou o presidente reeleito.

Em Niterói, as urnas também reconduziram o presidente Antônio José Barbosa da Silva, da chapa “Nova OAB juntos para seguir em frente”, para cumprir mais um triênio, 2016/2018, à frente da entidade. Com 2.162 votos, o advogado inicia seu quarto mandato com a proposta de dar continuidade ao seu trabalho desenvolvido na presidência desde 2007. Claudio Vianna ficou em segundo lugar com 2.002 votos, e Gustavo Fuscaldo, em terceiro, com 727 votos.

“É o resultado do nosso trabalho, isso mostra que confiaram no nosso programa, nas nossas propostas. Agora que acabou a eleição todos voltam a ser advogados, não tem mais oposição. A OAB está aberta para todos”, afirmou.

Em São Gonçalo, Eliano Enzo, da chapa “Colmeia”, foi o vencedor da disputa.

“Gostaria de agradecer a todos que votaram e também  aos que não votaram em mim. Prometo um mandato em prol do advogado, trabalhando na questão da prerrogativa e em outros pontos importantes”, declarou.

Rio e Niterói – Eleito mais uma vez para a Seccional do Rio de Janeiro, Felipe Santa Cruz é advogado militante desde que se formou na PUC-Rio, em 1997. Foi professor universitário e fez mestrado em Direito e Sociologia pela UFF. Eleito em 2006 como conselheiro da Seccional, em 2010 venceu a eleição para a presidência da Caixa de Assistência aos Advogados (Caarj).

Antônio José Barbosa presidiu a Associação Fluminense de Advogados Trabalhistas (Afat) e, à frente da OAB de Niterói desde 2007, conseguiu a reforma das salas dos advogados nos fóruns Estadual e Federal, inaugurou um núcleo digital, além da Escola de Inclusão Digital.

Nesta segunda-feira, por volta das 10h, Antônio José foi até a sede da OAB na Avenida Amaral Peixoto, no Centro, para confirmar seu voto. Mesmo confiante, tentou controlar a ansiedade pelo resultado.

“Eleição não se discute. Entra-se para ganhar ou para perder. A voz da urna é a que prevalece”, afirmou.

Como proposta de campanha, o atual presidente promete aumentar o número de cursos gratuitos aos advogados, além de criar uma linha de ônibus para uso dos advogados que percorra tribunais entre Niterói e São Gonçalo.

“Temos 26 propostas, entre elas, vamos brigar para aumentar o horário de funcionamento da Justiça. A estadual, federal e do trabalho têm horários diferentes. Isso tem que ser padronizado”, prometeu o advogado.

As eleições aconteceram das 9h às 17h, quando advogados do Rio de Janeiro, Niterói e São Gonçalo e demais municípios do Estado foram às urnas escolher seus representantes para os próximos três anos. Ao todo foram disponibilizadas 279 urnas em todo o Estado para a escolha dos presidentes das 61 subseções, além da diretoria e Conselho da Seccional.

No Rio, os eleitores contaram com 119 pontos de votação espalhados pela cidade, 59 deles no Centro.

Os advogados que não puderam comparecer às urnas devem enviar sua justificativa para a Comissão Eleitoral até 30 dias após a eleição, através de uma petição a ser protocolada na OAB, ou enviá-la pelos Correios ou por e-mail com a assinatura digital.

Com André Luiz Coutinho