Voltar

Notícias

Estado lança Rede de Edifícios Públicos Sustentáveis


28 de junho de 2017 255 visitas

Iniciativa envolve servidores de todos os órgãos e entidades estaduais e visa qualificar o gasto público
 
A Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento (Sefaz) lançou nesta terça-feira, 27/06, a Rede Sustent, que tem como objetivo implementar medidas para o uso sustentável de energia elétrica e água, além de outras medidas e iniciativas voltadas para a sustentabilidade da gestão dos edifícios públicos. A iniciativa da Subsecretaria de Logística e Patrimônio da Sefaz vem estabelecendo parcerias para, dentre outras atividades, promover a capacitação dos gestores setoriais que compõem a Rede. No primeiro ciclo, a Rede Sustent conta com o apoio da Light e da Agência Alemã Para Cooperação Internacional (GIZ) na produção de conteúdo e na capacitação dos servidores dos diversos órgãos estaduais.
 
O evento de abertura foi realizado no auditório da Sefaz e contou com a presença do subsecretário geral de Fazenda e Planejamento, Luiz Claudio Gomes; do subsecretário de Logística e Patrimônio da Sefaz, Marco Pacheco; do superintendente comercial do Grupo Light, Fernando Pompeu; da assessora técnica de Energias Renováveis e Eficiência Energética da Agência Alemã Para Cooperação Internacional (GIZ), Hanna Salian; e de representantes dos órgãos e entidades integrantes da Rede Sustent. A primeira capacitação, voltada para a análise das contas de energia elétrica dos prédios públicos, será realizada nos próximos dias 28 e 29 na Escola Fazendária (Efaz).
 
Após a abertura, foi realizada uma apresentação introdutória da Rede aos pontos-focais dos diversos órgãos e entidades da administração, ministrada pelas servidoras da equipe de Normatização e Redes da Subsecretaria de Logística e Patrimônio, Madalena Santos e Carolina Zidan.
 
Segundo o subsecretário geral da Fazenda Luiz Claudio Gomes, o evento não poderia estar mais alinhado com o momento de redução de gastos em que nos encontramos. “Todos acompanham as dificuldades financeiras em que o Estado se encontra e a plena negociação para adesão ao Regime de Recuperação Fiscal. A iniciativa está mais do que alinhada não pela mera redução, mas pela eficiência do gasto. Temos um conjunto de gastos com energia, água, luz, combustível que já vêm sendo tratados pela Superintendência de Patrimônio e Logística, e hoje pretendemos avançar com o lançamento dessa Rede”.
 
Já o subsecretário de Logística e Patrimônio, Marco Pacheco, agradeceu a mobilização de todos para tratar de um tema de extrema relevância. “Desenvolvemos nossas atividades como órgão central para garantir o serviço final ao cidadão. Estamos aqui para discutir soluções e melhorias. É uma luta diária e um indicativo de que o Estado vai construir alternativas para discutir melhores práticas”, disse. 
 
 
Crédito da foto: Dhavid Normando/Sefaz