Voltar

Notícias

Em coma induzido, Kid Vinil é transferido de MG para SP em helicóptero UTI


18 de abril de 2017 206 visitas

O cantor e produtor musical foi internado em um hospital de Conselheiro Lafaiete após passar mal durante show na cidade, no último domingo.


Kid Vinil participava de um projeto com outros cantores dos anos 1980, como Kiko Zambianchi e Ritchie, neste sábado em um clube de Conselheiro Lafaiete. O produtor do artista informou que ele foi o primeiro a se apresentar e, depois de sair do palco, começou a passar mal e foi atendido por uma enfermeira no clube. Ele foi socorrido pelo Samu e levado para o Hospital e Maternidade São José.

De acordo com a produção de Kid Vinil, a transferência para o Hospital da Luz, na capital paulista, é feita por um helicóptero equipado com uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) particular, já que o estado de saúde do músico é grave. Ele deixou a cidade mineira por volta das 13h e deve chegar à capital paulista por volta das 14h.

O produtor Marcio de Souza disse, na segunda-feira (17), que já havia retornado para São Paulo e que um irmão de Kid Vinil o acompanhava na cidade mineira. O produtor agradeceu a todos os envolvidos no socorro do artista e afirmou que espera a melhora dele para que possam retornar a Conselheiro Lafaiete e terminar o show.

Também segundo a produção, o músico é diabético e sofreu uma parada cardíaca. A família do cantor, que não é casado e não tem filhos, conversou com um neurologista e está esperançosa em relação à recuperação de Kid Vinil.

Carreira

Nome artístico de Antônio Carlos Senefonte, Kid Vinil destacou-se no cenário musical do rock brasileiro dos anos 1980, com o grupo Magazine. Cantor, radialista, compositor e jornalista, foi vocalista do Verminose, Magazine, Kid Vinil e os Heróis do Brasil, Kid Vinil Xperience.